domingo, abril 27, 2014

Entre os anos

Nada tão domingo
O sol ventando
O céu azulando

Eu e você acordando

Nada tão íntimo
A cortina balançando
A cidade respirando

Você e eu contando

Nada tão nosso
O cafezinho cheirando
Os dedos poetizando

Eu e você lutando.

0 comentários:

Postar um comentário